Outubro Rosa: tomografia computadorizada é uma aliada na biópsia da mama

Publicado em: 04/10/2019 - 15:10:26
Pesquisa
Diagnóstico
Exames
Tumores de Mama

Raramente usada para exames de imagem da mama, ela ajuda a garantir o melhor planejamento terapêutico

Outubro Rosa é sinônimo de prevenção, portanto saiba que os melhores exames de imagem para avaliação de lesões mamárias são a mamografia, a ultrassonografia e a ressonância magnética. A tomografia computadorizada não costuma ser utilizada na rotina, mas pode ser útil em situações específicas, pois é capaz de detectar lesões mamárias e, muitas vezes, fornecer acesso seguro e efetivo a elas. 

Com isso, a tomografia pode ser considerada um método de orientação alternativo para biópsias de lesões mamárias que não são acessíveis com as modalidades de imagem convencionais.

Essa é a tese do estudo CT-Guided Biopsy of Breast Lesions: When Should it be Considered? (Biópsia Guiada por Tomografia Computadorizada em Lesões Mamárias: Quando Deve ser Considerada?), um trabalho publicado no periódico The Breast Journal

“Esse relato era necessário, pois existe pouca literatura internacional sobre o tema, e poucos serviços têm experiência com esse tipo de procedimento”, afirma um dos líderes da pesquisa, Almir Bitencourt, médico titular do Departamento de Imagem do A.C.Camargo Cancer Center.


O artigo

Foram relatados dois casos de pacientes com lesões mamárias suspeitas, nas quais a biópsia não pôde ser realizada com segurança por mamografia ou ressonância magnética.

O ultrassom também não conseguiu caracterizar adequadamente as lesões devido à presença de um implante mamário no primeiro caso, uma mulher de 54 anos, e uma extensa área de necrose gordurosa no segundo, uma paciente de 64 anos.

“Nesses casos, só foi possível realizar a biópsia com a tomografia”, conta o Dr. Almir. “As biópsias de mama guiadas por tomografia computadorizada foram realizadas em conjunto pelas equipes de imagem da mama e de radiologia intervencionista”, acrescenta.

Não houve complicação em nenhum dos casos e, através desse procedimento, foi possível obter um diagnóstico pré-operatório para melhor planejamento terapêutico.


Conclusões 

Assim, entende-se que a tomografia computadorizada pode ser uma modalidade de imagem alternativa, segura e eficaz para a orientação da biópsia mamária percutânea em casos selecionados. 

Esses casos também apoiam o uso desse procedimento para lesões suspeitas que não são passíveis de biópsia por métodos convencionais, especialmente aquelas localizadas profundamente, perto da parede torácica.

Para conferir a íntegra do estudo (em inglês), clique aqui

 

Outubro Rosa: mês de conscientização 

Ele está aí, mas você tem de se cuidar o ano todo. Inclua alimentos mais saudáveis nas refeições, faça alguma atividade física e não deixe de realizar os exames médicos. Com o passar dos anos, aumentam os fatores de risco do câncer. A boa notícia é que, quando detectado no início, são grandes as chances de sucesso no tratamento. Não espere o próximo Outubro Rosa.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Obesidade e a prevenção do câncer
Estimativas mostram que cerca de 600 mil brasileiros receberão o diagnóstico de câncer em 2017. E, cada vez mais, os estudos revelam que nossos hábitos podem influenciar na saúde. Com o câncer não é diferente. Tabagismo, obesidade, infecção por HPV estão entre os fatores de...
Churrasco e câncer: há relação?
Churrasco e câncer, uma relação que gera muitas dúvidas nas cabeças dos brasileiros. Afinal, aquela carninha que você (que não é vegetariano ou vegano) come com os amigos e a família poderia estar sabotando a sua saúde? Certo é que o consumo de carne vermelha...
Câncer colorretal: A.C.Camargo apresenta pôster em colaboração com o MD Anderson Cancer Center
Por Samuel Aguiar Junior, cirurgião oncologista e head do Centro de Referência em Tumores Colorretais e Sarcoma do A.C.Camargo Intitulado Consensus Molecular Subtypes in Colorectal Cancer Differ by Geographic Region, este pôster apresentado na ASCO mostra resultados iniciais de uma colaboração do A.C.Camargo Cancer Center...
Estudo avalia benefícios do monitoramento online de sintomas em pacientes durante a quimioterapia
Pacientes que passam por quimioterapia costumam ter sintomas sérios, mas a metade deles não é reportada a médicos ou enfermeiros. Um teste clínico randomizado com 766 pacientes, apresentado no ASCO 2017, mostrou que uma ferramenta de web pode ajudá-los, inclusive aumentando sua sobrevida, simplesmente relatando...
Onco-hematologista do A.C.Camargo é convidada para programa de jovens pesquisadores na Itália
A médica participa do projeto que propõe o desenho de estudos clínicos inovadores na área Thaís Fischer, do departamento de Onco-hematologia do A.C.Camargo Cancer Center, foi convidada a participar do programa “Cantera”, uma iniciativa da European Hematology Association (EHA)- Lymphoma Group e da Fondazione Italian...