Tumores cerebrais infantis: saiba quais são os sinais e sintomas

Publicado em: 01/07/2021 - 18:07:00
Diagnóstico
Prevenção
Epidemiologia
Tumores do Sistema Nervoso Central
Linha Fina

Esse tipo de câncer costuma afetar a região posterior do sistema nervoso central das crianças, manifestando nas regiões do cerebelo e tronco cerebral

Tumores cerebrais infantis: o tumor cerebral é o segundo tipo de câncer mais comum entre crianças e adolescentes, atrás somente da leucemia.

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), a expectativa é que 12 mil novos casos de tumores cerebrais infantis foram registrados em 2020, ou 35 novos casos a cada 100 mil crianças.

A manifestação deste câncer depende bastante do local e do tamanho. Nas crianças, os tumores do sistema nervoso central (SNC) ocorrem com mais frequência na região chamada "fossa posterior", onde estão localizados o cerebelo e o tronco cerebral.

Linha Aspas Simples
"

Essa região tem um espaço pequeno para comportar as estruturas nervosas, portanto, qualquer massa que aumente o volume local pode provocar sintomas mais intensos, como hidrocefalia, desequilíbrio, perda de força e alterações visuais"

Dr. Jean Gonçalves de Oliveira, head da Neurocirurgia do A.C.Camargo Cancer Center.

Tumores cerebrais infantis: sintomas

A depender da localização e do tamanho, os sintomas podem variar. As crianças, principalmente aquelas que estão aprendendo a desenvolver a linguagem e a comunicação, costumam apresentar queixas pouco claras.

Os sintomas mais comuns são torcicolo, perda de apetite (relacionada, muitas vezes, à dificuldade para engolir), ronco e rouquidão.

“Os adultos têm uma percepção de que ‘algo está errado’ enquanto as crianças, muitas vezes, não têm a mesma sensibilidade. Por isso, é necessário estar sempre atentos ao comportamento dos pequenos, principalmente para detectar algo de diferente”, diz o especialista.

O diagnóstico do tumor cerebral em crianças é o mesmo realizado em adultos: exames neurológico e de imagens (ressonância magnética e tomografia computadorizada). O tratamento também deve considerar cirurgia sempre que for necessário, e, dependendo do tipo, radioterapia e quimioterapia ou a combinação de ambos.


Chance de cura

A maioria dos tumores cerebrais infantis é benigna e, em alguns casos, a cirurgia consegue ressecá-los completamente.

“Crianças têm uma capacidade maior de adaptação às mudanças, assim como o cérebro. Muitas vezes, outras áreas do órgão acabam ‘aprendendo’ funções que uma certa área perdeu por estar acometida por um tumor. Isso se chama neuroplasticidade”, explica o Dr. Jean.

Não há prevenção para o tumor cerebral infantil, por isso é sempre importante estar atento(a) a comportamentos sem explicação entre os pequenos, como dor ao se movimentar, mudanças na maneira de brincar e segurar objetos, alterações na maneira de caminhar ou engatinhar e mudanças na posição dos olhos (estrabismo).

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Dia Nacional de Combate ao Câncer
O Dia Nacional de Combate ao Câncer, criado em 1988, é comemorado em 27 de novembro. O objetivo da data é ampliar o conhecimento da população sobre o câncer, principalmente sobre a sua prevenção. Confira abaixo as principais formas de prevenção. Elimine o cigarro da...
Câncer infantil: A.C.Camargo avalia efeitos tardios em quem tratou um tumor e se curou na infância e na adolescência
A cura de um câncer infantil, além de clínica, tem de ser psicológica e social. Com o objetivo de avaliar eventuais consequências tardias do câncer em indivíduos que se trataram e se curaram na infância e na adolescência, o A.C.Camargo conta com o Grupo de...
“Depois de 18 anos curado de um câncer, quero viver uma vida mais leve”
“Minha vida é cheia de histórias e experiências. Sou um escrivão de polícia aposentado, com uma família linda e bem grande: sou casado com a querida Matilde, a mulher da minha vida! Com o casamento, vieram os filhos: Ricardo e Janeth, que nos presentaram com...
Diverticulite causa câncer?
Saiba mais sobre a relação dessa inflamação gastrointestinal com tumores colorretais Diverticulite é uma doença que ocorre quando estão inflamados ou infectados os divertículos, que são saliências gastrointestinais que retêm pequenas quantidades de fezes, ou seja, bolsas que se alojam no intestino grosso. A formação...
Teranóstica: a medicina nuclear no tratamento do câncer
Inovador, esse conceito usa materiais radioativos para obter informações sobre tumores ao mesmo tempo em que carrega medicamentos capazes de tratá-los Utilizada há anos para o diagnóstico do câncer, a medicina nuclear envolve o uso de substâncias radioativas, os chamados radiofármacos, que se dirigem exclusivamente...