Fisiodança ajuda na reabilitação de pacientes com câncer de mama

Publicado em: 25/10/2019 - 11:10:58
Tratamento
Foco do paciente
Suporte e Reabilitação
Tumores de Mama

 

Desde 2016, projeto contribui para o bem-estar e a qualidade de vida de mulheres em tratamento no A.C.Camargo Cancer Center 

Quem dança, seus males espanta. No A.C.Camargo, a prática vai além com o projeto Fisiodança, oferecido pelo Serviço de Fisioterapia para pacientes com câncer de mama. É a dança a assumir papel relevante no processo terapêutico.

Por ser uma atividade física, a dança traz mais bem-estar e disposição, além de contribuir para a elevação da autoestima e para a socialização.

“Pensando na possibilidade de oferecer mais uma forma de terapia agregada à tradicional, propus à fisioterapeuta Larissa Simões, que tem formação em balé, a criação do grupo que dá suporte através da dança”, explica Celena Freire Friedrich, head da Fisioterapia do A.C.Camargo Cancer Center. “A Fisiodança tem como foco a reabilitação e retomada das atividades diárias do paciente em seu dia a dia”, acrescenta.

O projeto, que teve início em 2016, convida as pacientes que realizaram cirurgia de mama e estão em fase de reabilitação a participar das aulas – a atividade física é importante para normalizar a movimentação do braço, que fica alterada após a operação. 

Elas podem permanecer no grupo independentemente de terem recebido alta do tratamento oncológico. 

 

Aulas lúdicas 

O grupo de dança funciona com o propósito de reabilitar as pacientes, fugindo do método convencional e explorando uma terapia lúdica, com técnicas de diferentes modalidades e ritmos musicais – elas dançam até Sidney Magal. Há grande estímulo da percepção corporal.

As pacientes se encontram uma vez por semana para as aulas e ensaios de coreografia e, de vez em quando, realizam apresentações. 

 “As apresentações fazem parte da proposta e motivam muito as pacientes”, conta Celena. 
Geralmente, o grupo coloca o que aprende em prática em eventos dentro e fora do hospital, como o Next Frontiers to Cure Cancer, Todos Juntos Contra o Câncer, Amor à Vida, Experiência do Paciente, entre outros.

 

Fisiodança em benefícios

O ato de bailar melhora a autoestima, a autoconfiança e alimenta laços de amizade e companheirismo, onde as pacientes se sentem amparadas e podem compartilhar experiências sobre seus casos. 

Do ponto de vista físico, “a dança tem como benefício principal a reabilitação completa dos movimentos perdidos ou prejudicados após a cirurgia, de forma lúdica, através de um acompanhamento supervisionado e especializado para cada paciente”, finaliza Celena Freire Friedrich. 

Se você é paciente – ou possui uma familiar que está em tratamento no A.C.Camargo – e deseja participar do projeto, procure o serviço de Fisioterapia da Instituição. 

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Dia Mundial do Doador de Medula Óssea: a importância da doação
O Dia Mundial do Doador de Medula Óssea é celebrado, mundialmente, no terceiro sábado de setembro – neste 2021, cai no dia 18. É uma forma de reafirmar a importância da doação de medula óssea, sobretudo para pacientes com leucemia, que é o décimo tipo...
Estudo PRODIGE23: foco no tratamento neoadjuvante do câncer de reto localizado
Por Celso Abdon Lopes de Mello, oncologista clínico do A.C.Camargo Cancer Center O tratamento do câncer de reto localizado tem passado por transformações nos últimos anos. Classicamente, os pacientes são tratados com quimiorradioterapia seguida de cirurgia e depois mais quimioterapia. Para melhorar os resultados, está...
Novembro Azul e a evolução no tratamento sistêmico
Assista ao vídeo e entenda melhor como os avanços têm beneficiado os pacientes Novembro Azul está aí e nunca é demais falar sobre as evoluções no tratamento sistêmico dos tumores urológicos. Os últimos dois anos foram de muitas mudanças. Tais avanços trouxeram novas possibilidades terapêuticas...
Sediamos o primeiro congresso na América com os maiores especialistas do mundo em cirurgia robótica de cabeça e pescoço
É o 3º IGReHNS, que abordou o que há de mais inovador em tecnologias e pesquisas nessa área. Os maiores especialistas do mundo em cirurgia robótica de cabeça e pescoço criaram, há alguns anos, uma organização de pesquisas, a International Guild of Robotic & Endoscopic...
Como é realizado o Transplante de Medula Óssea?
No quarto e último texto da série sobre TMO, saiba mais sobre o procedimento e as medidas de prevenção de infecções Por Daniel Garcia, oncologista clínico, e Jayr Schmidt, head de Hematologia Quando a quimioterapia e/ou a radioterapia estiverem completas, será administrada uma infusão da...