Homem branco segura um prato com churrasco

Churrasco e câncer: há relação?

Publicado em: 09/04/2021 - 09:04:16
Prevenção
Diagnóstico
Hábitos saudáveis
Tumores do Aparelho Digestivo Alto
Pâncreas
Cólon
Próstata
Linha Fina

Descubra se a carne vermelha no carvão sabota a sua saúde 

Churrasco e câncer, uma relação que gera muitas dúvidas nas cabeças dos brasileiros.

Afinal, aquela carninha que você (que não é vegetariano ou vegano) come com os amigos e a família poderia estar sabotando a sua saúde?

Certo é que o consumo de carne vermelha é associado ao risco aumentado para alguns tumores, como o câncer de cólon, pâncreas e próstata.

Segundo o Dr. Victor Hugo Fonseca de Jesus, vice-líder do Centro de Referência em Tumores do Aparelho Digestivo Alto do A.C.Camargo, no processo de preparo da carne no churrasco são gerados dois tipos de substâncias: as aminas policíclicas aromáticas (APA) e os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA). 

“Estas substâncias, após serem metabolizadas no nosso organismo, geram compostos químicos que lesam o nosso DNA e que são mutagênicos”, afirma o Dr. Victor Hugo.


Churrasco e câncer: bem passado, risco maior

Pesquisas com animais já demonstraram que esses compostos podem levar ao desenvolvimento de tumores. Além disso, a maior parte dos estudos epidemiológicos sugere uma associação entre o consumo excessivo de carne com consequentes níveis mais altos de ingestão de APA e HPA e um risco aumentado de câncer. 

“Tanto é verdade que, hoje, a IARC, Associação Internacional para Pesquisa em Câncer, categoriza a carne vermelha como provavelmente carcinogênica para seres humanos”, explica o médico. 

A produção dessas substâncias varia consideravelmente de acordo com o tipo de carne e com o modo, o tempo e a temperatura de preparo. 

“De modo geral, na carne bem passada e chamuscada há maiores concentrações de APA e HPA, que podem elevar mais significativamente o risco de desenvolver câncer”, diz o Dr. Victor Hugo.


Solução: saiba como equilibrar a dieta

O mais importante é manter uma dieta balanceada

“De forma alguma estes dados devem ser interpretados como uma evidência de que não se deva comer carne vermelha ou carne processada. Aqui, a palavra-chave é moderação. De maneira geral, deve-se evitar o consumo de carne vermelha ou processada mais de duas a três vezes por semana”, avisa o Dr. Victor Hugo. 

Além disso, é importante privilegiar o consumo de frutas e vegetais. Adicionalmente, outros aspectos da dieta parecem tão relevantes quanto a carne. 

“A obesidade é um fator de risco tão ou mais importante do que o consumo de carne para o desenvolvimento de câncer. Desta forma, não podemos nos descuidar com os doces ou alimentos muito ricos em carboidratos, pois estes também podem conferir indiretamente um risco aumentado de câncer”, finaliza o especialista. 

Doutor Victor Hugo Fonseca de Jesus, branco, cabelos negros, óculos e jaleco
"
De modo geral, na carne bem passada e chamuscada há maiores concentrações de APA e HPA, que podem elevar mais significativamente o risco de desenvolver câncer.
Doutor Victor Hugo Fonseca, vice-líder do CR em Tumores do Aparelho Digestivo Alto

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Exame de investigação do HPV para diagnóstico de câncer de colo do útero faz parte da nossa rotina de cuidados
Sabendo da direta relação entre o HPV e o câncer de colo do útero, o A.C.Camargo adotou como rotina a investigação do vírus no mesmo momento da realização do papanicolau. Para isso, a Instituição se baseia em dados do Pathology Outlines (http://www.pathologyoutlines.com/topic/cervixSCC.html), que mostram que...
Câncer de pele: uma live que discute os cuidados no verão
Câncer de pele: Dezembro Laranja é o mês de conscientização sobre a prevenção e o diagnóstico precoce para os tumores cutâneos. Em termos de tratamentos do câncer de pele, tanto para melanoma quanto para os tumores não melanoma, os recursos avançaram muito nos últimos anos...
Câncer de pulmão: como fazer o rastreamento
O câncer de pulmão é um dos mais frequentes em todo o mundo. No Brasil, estima-se que, neste ano, mais de 30 mil pessoas serão diagnosticadas com câncer de pulmão. Destes casos, cerca de 60% a 80% serão descobertos em estágios avançados. Na maioria das...
Confira nossa política para visitantes e acompanhantes
Estamos diante de um momento de atenção em relação ao aumento do número de casos de covid-19 e de influenza na cidade de São Paulo. Por esta razão, as visitas aos pacientes internados estão suspensas momentaneamente. Essa é mais uma das nossas medidas de prevenção...
Dia Mundial da Higiene das Mãos: 7 passos para a lavagem perfeita
Data de conscientização ocorre em 5 de maio e serve para reafirmar a importância essencial desse ato Higiene das mãos, algo vital. Tanto que há um dia de conscientização (5/5), instituído pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que nasceu bem antes da pandemia. Assim, nunca...