Câncer de pulmão: prevenção e fatores de risco

Publicado em: 14/08/2019 - 09:08:47

Especialista do A.C.Camargo ensina a se proteger da doença, que é evitável em 90% dos casos

 

O câncer de pulmão é o segundo mais comum em homens e o quarto entre as mulheres no Brasil (sem contar o câncer de pele não melanoma), segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Cerca de 13% de todos os casos novos de câncer são de pulmão.

Apesar de ser um tipo frequente de tumor e de causar muitas mortes, o câncer de pulmão é uma doença evitável: 90% dos casos estão associados ao tabaco. Costuma ser diagnosticado depois dos 50 anos em 90% dos casos, especialmente na faixa dos 60 aos 70 anos.

Geralmente, os sintomas do câncer de pulmão aparecem apenas quando a doença já está avançada. Por isso, a minoria dos casos é diagnostica em fase inicial. Apesar de ser uma doença grave e agressiva, atualmente há muitos recursos para o tratamento.

 

Fatores de risco

Confira abaixo os pontos de atenção que aumentam a chance de desenvolver câncer de pulmão, de acordo com Jefferson Luiz Gross, head do Núcleo de Pulmão e Tórax do A.C.Camargo.

•    Tabagismo, principal fator de risco para o câncer de pulmão e vários outros, como boca, garganta, faringe, laringe, estômago, fígado, pâncreas, rins, bexiga e leucemias. O tabagismo é responsável por cerca de 30% das mortes por câncer. O risco de um fumante desenvolver câncer de pulmão é de cerca de 20 a 60 vezes maior que o risco de um não fumante. Mesmo para o tabagista passivo, o risco é de pelo menos três vezes mais que o de uma pessoa não exposta à fumaça do cigarro. Quanto maior o consumo de tabaco, maior o risco de desenvolvimento do câncer de pulmão. O raciocínio inverso é verdadeiro: as pessoas que param de fumar reduzem consideravelmente o risco de desenvolver câncer.
•    Histórico familiar de câncer de pulmão
•    Exposição a substâncias como radônio, arsênico, cromo, níquel, fuligem e amianto
•    Radioterapia anterior na região do tórax
•    Poluição do ar
•    Doenças pulmonares como a tuberculose

 

Prevenção

O câncer de pulmão não apresenta sintomas específicos ou característicos. Por isso, é preciso manter uma atitude proativa para não se expor ao principal fator de risco, que é o consumo de tabaco, seja na forma de cigarro, cachimbo, charuto, narguilé ou cigarro eletrônico.

É recomendável que pessoas com idade acima de 55 anos, fumantes com alta carga tabágica (acima de 30 maços/ano) e ex-fumantes que cessaram o tabagismo há menos de 15 anos façam exames de rastreamento periódicos, de acordo com orientação do médico.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

A mamografia e o tumor de intervalo: entenda a relação
Em 5 de fevereiro, comemoramos o Dia Nacional da Mamografia. Esta data precisa mesmo ser comemorada, pois a mamografia é o exame capaz de diagnosticar o câncer de mama em seus estágios iniciais e salvar vidas de mulheres. O câncer de mama está em primeiro...
15 de setembro - Dia mundial de conscientização sobre linfomas
Como se prevenir deles? Indo ao médico assim que perceber os sintomas. Então apareceu um gânglio diferente no pescoço, ou na axila, ou na virilha, que não dói, mas você sente extremo cansaço, febre, está suando à noite e também perdendo peso sem razão aparente...
15/09 - Dia Mundial de Conscientização sobre Linfomas
A conversa de hoje é sobre linfomas. Entre os 10 tipos de câncer mais frequentes na população brasileira está o linfoma, que é caracterizado pelo aumento de um gânglio linfático, causando um "inchaço" no local. Existe até um Dia Mundial de Conscientização sobre Linfomas, que...
21/09: Dia Mundial do Doador de Medula Óssea
Em 21 de setembro é comemorado o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea, que tem como objetivo a conscientização sobre a importância da doação de medula óssea. O procedimento servirá para o transplante, um tipo de tratamento que visa substituir uma medula óssea doente...
25/09 - Palestra Segurança do Paciente: participe!
A importância do paciente, acompanhante e cuidador no atendimento hospitalar Convidamos você para participar de uma palestra especial, onde falaremos sobre a importância de cada pessoa nas questões relacionadas à segurança de nossos pacientes. Será uma tarde de compartilhamento de muito conhecimento e experiências. Você...