Imagem do Dr. Daniel Garcia, de braços cruzados, com a legenda "Fala, doutor!"

Recidiva, seguimento, cura e remissão em oncologia

Publicado em: 08/10/2021 - 14:10:40
Foco do paciente
Tratamento
Serviços ao Paciente
Linha Fina

Nesta edição da coluna “Fala, doutor!”, saiba o que significam estes conceitos que confundem muitas pessoas

Por Dr. Daniel Garcia, oncologista clínico do A.C.Camargo Cancer Center


Quando o tratamento termina, muitos pacientes escutam de seus médicos oncologistas que se inicia o seguimento ou quais medicamentos adicionais serão necessários para manter o tumor em remissão. Ou, felizmente, que o câncer desapareceu e o paciente está curado. Neste momento, muitos têm dúvidas sobre qual é sua real situação e o que estes termos representam.

Seguimento

Todo paciente quando termina o tratamento que fez contra uma neoplasia maligna passa pela fase de seguimento, que significa fazer consultas médicas regulares mesmo estando sem sintomas. O paciente passa por exames físicos e outros que podem incluir análises laboratoriais e de imagem, com a finalidade de rastrear uma possível recidiva do câncer.

Cura e remissão

A cura significa que não há vestígios do câncer após o tratamento e que o tumor nunca mais voltará. 
A remissão significa que os sinais e sintomas do câncer estão reduzidos ou ausentes. A remissão pode ser parcial ou completa, quando todos os sinais e sintomas do câncer desapareceram. 

O paciente que permanece em remissão completa por cinco anos ou mais, normalmente, pode ser considerado curado. Mesmo assim, algumas células cancerosas podem permanecer no corpo por muitos anos após o tratamento e fazer com que o câncer volte um dia. 

Para os cânceres que retornam, a maioria acontece nos primeiros cinco anos após o tratamento. Mas, há uma chance de que o câncer volte mais tarde. Este é o motivo que leva os médicos a não conseguirem dizer com certeza se o paciente está curado.

Compreendendo a recidiva

Algumas células cancerosas podem permanecer despercebidas no corpo por anos após o tratamento. Se um câncer retorna após ter estado em remissão, é chamado de recidiva ou recorrência. 

O câncer pode reaparecer no mesmo local em que foi originalmente diagnosticado ou em uma parte diferente do corpo. Cada situação é diferente e não há como prever exatamente o que irá acontecer. O que podemos afirmar é se a probabilidade do câncer retornar é baixa ou alta. Para isto, o médico utiliza diversas ferramentas e informações sobre o câncer e o paciente.
 

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

A doação de cabelos no projeto Mechas de Amor
Trata-se de uma parceria do programa “O que Importa para Você” do A.C.Camargo Cancer Center Doação de cabelos que viram perucas. O projeto Mechas de Amor foi idealizado por um grupo formado por mulheres em tratamento oncológico. Seu objetivo é levar autoestima e bem-estar para...
A radioterapia avançada – Next Frontiers to Cure Cancer 2021
Radioterapia: o Next Frontiers to Cure Cancer 2021 será excitante. A divisão de rádio-oncologia do A.C.Camargo Cancer Center participará ativamente de todos os módulos, trazendo as informações mais atualizadas em termos de abordagem multidisciplinar. Quero enfatizar que, em nosso curso pré-congresso, o de Radioterapia Avançada...
Werdum e Wolverine, lutadores do UFC, visitam a Oncologia Pediátrica do A.C.Camargo
Uma experiência para ser levada ao octógono. Os lutadores de Mixed Martial Arts (MMA) Fabricio Werdum, da categoria peso pesado, e Hugo "Wolverine" Viana, peso galo, alegraram a manhã da última quinta-feira dos pacientes da Oncologia Pediátrica do A.C.Camargo, centro de referência mundial em ensino...
Comunicado importante: alteração no horário de visitação em nossas UTIs e UIs pediátricas
A visita humanizada às UTIs e UIs pediátricas do A.C.Camargo Cancer Center é um dos diferenciais da nossa Instituição e transforma a experiência dos pacientes. Pensando nisso, após análise do declínio de casos de covid-19 entre pacientes, seus familiares e nossos profissionais, informamos que a...
Estudo PRADO introduz grande melhoria no atendimento de pacientes com melanoma e metástase em gânglios
Por João Pedreira Duprat Neto, head da Oncologia Cutânea do A.C.Camargo Cancer Center Estudo PRADO: pacientes com metástase de melanoma para linfonodos palpável têm prognósticos ruins, em torno de 30% de sobrevida. A imunoterapia por tempo curto com apenas 2 ciclos ainda com o tumor...