Presença de bactéria H.pylori, relacionada ao câncer de estômago, chega a 57% na América Latina e Caribe

Publicado em: 27/06/2019 - 09:06:32
Pesquisa
Prevenção
Epidemiologia
Tumores do Aparelho Digestivo Alto

Condições ruins de saneamento básico e a ingestão de alimentos crus ou mal condicionados são as principais causas de infecção pela bactéria, que pode ser evitada e tratada

As taxas de incidência e de mortalidade do câncer gástrico são altas na América Latina e a bactéria H.pylori está associada ao desenvolvimento de alguns tipos de tumores como o adenocarcinoma. Para entender melhor esse assunto, o A.C.Camargo realizou o estudo Prevalence of Helicobacter pylori infection in Latin America and the Caribbean populations: a systematic review and meta-analysis / Prevalência de infecção por Helicobacter pylori em populações da América Latina e Caribe: uma revisão sistemática e metanálise, cuja autora é a doutora Maria Paula Curado, head do Núcleo de Epidemiologia e Estatística em Câncer do A.C.Camargo.

O trabalho se propôs a revisar estudos sobre o assunto em 14 países da América Latina e Caribe, incluindo mais de 24 mil indivíduos, entre 1987 e 2012. “Os dados sistematizados apontaram uma alta prevalência do H.pylori na região de 57,57% em todas as idades, enquanto a prevalência mundial é de 44,3%. Nas crianças e adolescentes a prevalência encontrada foi de 48,36%, enquanto em adultos foi de 69,26%. Em relação ao sexo, não foram observadas diferenças”, destaca a epidemiologista.

Dos casos incidentes de câncer associados a agentes infecciosos, aproximadamente 56% dos casos de câncer gástrico (não cárdia região de transição entre o esôfago inferior e o estômago) foram atribuídos ao H.pylori, em 2012. Entre as principais causas de infecção pela bactéria estão fatores como condições ruins de saneamento básico e a ingestão de alimentos crus ou mal condicionados.

De acordo com a doutora Maria Paula Curado, são necessárias ações de prevenção e tratamento desta bactéria, principalmente, em crianças e jovens. “Percebemos que o câncer gástrico só aparece na fase adulta, por isso é importante tratarmos o quanto antes as crianças e adolescentes que possuem a bactéria a fim de evitar os riscos para o desenvolvimento deste tipo de tumor”, ressalta.

Como forma de prevenção é importante que a qualquer sintoma de desconforto abdominal, enjoo e queimação, seja procurada a avaliação de um médico para investigação da causa. A bactéria pode ser diagnosticada por diversos exames, como a endoscopia e o tratamento inclui o uso de antibióticos via oral.

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Nomograma preditor de recidiva em pacientes com linfonodo sentinela negativo
Este nomograma foi desenvolvido pelo Dr. Eduardo Bertolli, cirurgião oncológico da Oncologia Cutânea, com a colaboração do pesquisador Vinicius Calsavara, matemático/estatístico do Núcleo de Epidemiologia e Estatística em câncer (NEECAN - CIPE). É utilizado nos casos em que o linfonodo sentinela é negativo e...
Conheça o primeiro catálogo mundial do ecossistema microbiano urbano do mundo
Imagine andar pela cidade em busca de cada micro-organismo existente por aí. Parece uma missão impossível, certo? Para os cientistas, nem tanto. Um estudo realizado pelo consórcio internacional MetaSub reuniu pesquisadores especializados em genômica, análise de dados, engenharia, epidemiologia e saúde pública para mapear a...
Estudo avalia biomarcadores que podem afetar a eficácia do tratamento do câncer de cabeça e pescoço
O objetivo é entender quem se beneficia mais com o medicamento cetuximab Uma das formas de avaliar a eficiência de medicamentos no tratamento do câncer é pela investigação de biomarcadores. Estes são proteínas, genes e outras moléculas que atuam em como as células tumorais crescem...
Nosso aluno de pós-graduação propõe uma combinação inovadora de técnicas para quimioterapia em câncer de ovário avançado
O estudo mostrou que a nova abordagem é segura e pode agilizar o tratamento. O método convencional de tratamento para câncer de ovário avançado indica cirurgia para a retirada completa do tumor e, depois, seis ciclos de quimioterapia. Há alguns anos surgiu a quimioterapia intraperitonial...
Carnes processadas são um fator de risco para o câncer?
As carnes processadas, categoria que inclui alimentos como bacon, salame e salsicha, por exemplo, também estão associadas a um risco mais elevado para o câncer, especialmente tumores de cólon e de estômago. “Isso acontece porque o processamento da carne vermelha se dá pelo método de...