O Coronavírus e o paciente oncológico

Publicado em: 13/03/2020 - 18:03:46

A situação requer atenção – no entanto, o mais importante é não interromper o tratamento

A manutenção do tratamento oncológico é fundamental para o sucesso terapêutico. 

“O Coronavírus é mais um item que o paciente deve considerar em sua rotina de precauções, que já é muito criteriosa para quem trata o câncer”, afirma o Dr. Victor Piana, Superintendente Executivo de Operações e Diretor Médico do A.C.Camargo Cancer Center. 

“Entre elas, ele deve lavar as mãos frequentemente, restringir as visitas e evitar um contato físico com pessoas com algum problema de saúde, como gripes”, explica o especialista.

O paciente oncológico sofre com o efeito imunossupressor de alguns tratamentos. Durante a quimioterapia ou a radioterapia, por exemplo, a imunidade fica mais baixa.

“E, se tiver febre, sintomas respiratórios, especialmente falta de ar e cansaço, o paciente deve procurar o pronto socorro, algo que ele já faria mesmo sem a pandemia do Coronavírus”, complementa o Dr. Victor Piana. 


Não parar o tratamento

Quando o paciente imunossuprimido desenvolve o Coronavírus, ele pode ficar mais vulnerável.

Uma coisa, porém, é certa. “Um paciente com câncer não deve interromper seu tratamento oncológico”, acrescenta o Dr. Victor Piana. 
 

Cuidados importantes

Outras orientações relevantes para o paciente oncológico evitar:

- Aglomerações e ambientes fechados;
- O cumprimento com apertos de mão, beijos e abraços, mesmo nos médicos e outros profissionais de saúde 
- Visitas desnecessárias; 
- Acompanhantes que apresentem sintomas de gripe ou suspeita de Coronavírus – é importante que seja apenas um acompanhante.

Mais Coronavírus
- Como se proteger
- Recomendações importantes
- Dúvidas mais frequentes
- O que é

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

A mamografia e o tumor de intervalo: entenda a relação
Em 5 de fevereiro, comemoramos o Dia Nacional da Mamografia. Esta data precisa mesmo ser comemorada, pois a mamografia é o exame capaz de diagnosticar o câncer de mama em seus estágios iniciais e salvar vidas de mulheres. O câncer de mama está em primeiro...
"O homem não pode se descuidar de jeito nenhum!"
Sou Carlos Levy, tenho 75 anos, funcionário público aposentado e pai de cinco filhos. Também sou avô dos meus quatro queridos netos e casado com o amor da minha vida, Amália. Desde meus 50 anos tenho um compromisso comigo mesmo: fazer meus exames periódicos. Sigo...
15 de setembro - Dia mundial de conscientização sobre linfomas
Como se prevenir deles? Indo ao médico assim que perceber os sintomas. Então apareceu um gânglio diferente no pescoço, ou na axila, ou na virilha, que não dói, mas você sente extremo cansaço, febre, está suando à noite e também perdendo peso sem razão aparente...
15/09 - Dia Mundial de Conscientização sobre Linfomas
A conversa de hoje é sobre linfomas. Entre os 10 tipos de câncer mais frequentes na população brasileira está o linfoma, que é caracterizado pelo aumento de um gânglio linfático, causando um "inchaço" no local. Existe até um Dia Mundial de Conscientização sobre Linfomas, que...
21/09: Dia Mundial do Doador de Medula Óssea
Em 21 de setembro é comemorado o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea, que tem como objetivo a conscientização sobre a importância da doação de medula óssea. O procedimento servirá para o transplante, um tipo de tratamento que visa substituir uma medula óssea doente...