Dia Internacional do Voluntário

Publicado em: 05/12/2019 - 10:12:44
Institucional
Foco do paciente
Efemérides


Para celebrar o dia 5 de dezembro, apresentamos a história da Dona Genoveva, fundadora e primeira diretora voluntária da escola hospitalar do A.C.Camargo Cancer Center

“Isso é a parte mais importante da minha vida.” É assim que Maria Genoveva Vello, carinhosamente conhecida como Dona Genoveva, começa a contar sobre seu trabalho voluntário no A.C.Camargo Cancer. E quando começa a falar, o brilho nos olhos e a riqueza de detalhes da sua jornada como voluntária encanta qualquer ouvinte de suas histórias.

Como acompanhante de uma tia que tratou um câncer, Dona Genoveva conheceu Carmen Prudente, mulher à frente de seu tempo e esposa de Antônio Prudente, fundador do A.C.Camargo. Desse encontro, nasceu uma grande amizade e o início de um trabalho pioneiro na área da educação.

 

Maria Genoveva Vello, fundadora e diretora voluntária da escola hospitalar
Maria Genoveva Vello, fundadora e diretora voluntária da escola hospitalar

 

A fundação da escola hospitalar

Carmen Prudente e Dona Genoveva tinham um objetivo: dar aulas para as crianças internadas na instituição. Para realizar esse objetivo, foram muitas reuniões, inclusive com políticos. E cerca de um ano depois, o que alguns apontaram como uma “loucura” de Carmen e Dona Genoveva, tornou-se a primeira escola hospitalar do País: a Escola Especializada Schwester Heine.

“Quando abrimos a escola, eu já tinha experiência como diretora. Eu imaginava como iríamos trabalhar com essas crianças. Então, criei uma pedagogia hospitalar, pois a criança internada precisa de um tratamento diferente de quem está na escola regular”, conta dona Genoveva, que foi a primeira diretora da escola.

No início, os médicos acreditaram que a escola poderia atrapalhar o tratamento das crianças. Mas Dona Genoveva conta que a resposta veio dos próprios pacientes. “As crianças ficavam na porta do quarto esperando os médicos e eles ainda levavam bronca, pois estavam demorando e elas precisavam ir para a escola. Era apenas uma sala, não tinha muito espaço, mas as crianças adoravam. E eles começaram a ver que as crianças ficavam menos ansiosas e passaram a aceitar melhor o tratamento”, explica.

Trabalho voluntário

Quando lembra de todo o trabalho realizado como diretora voluntária na escola hospitalar, Dona Genoveva conta com sorriso nos olhos que “isso marcou muito a minha vida. Foi um marco muito importante e eu me sinto feliz de ter realizado isso. Porque era isso que eu gostava de fazer. Fico orgulhosa, fico muito feliz. Quando você faz o bem, quem fica feliz é você, não só quem recebe”. 

Rede Voluntária de Combate ao Câncer

Atualmente, a Rede Voluntária de Combate ao Câncer do A.C.Camargo conta com cerca de 200 voluntários. O trabalho destas pessoas melhora a experiência do nosso paciente durante sua internação ou nos atendimentos dos ambulatórios. Nossos voluntários também orientam os pacientes sobre a localização de serviços e realizam diversas atividades que proporcionam um cuidado muito mais amplo do que o proporcionado por seu tratamento, como artesanato, religiosidade e música, dentre outros.

Para conhecer a Rede Voluntária de Combate ao Câncer ou tornar-se um voluntário, clique aqui.

Voluntária

 

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

XXVII Jornada de Patologia traz palestrantes nacionais e internacionais para discutir os tumores da mulher
Concebido pelo A.C.Camargo Cancer Center em parceria com a Sociedade Brasileira de Patologia, tradicional evento acontecerá nos dias 1 e 2 de novembro e será voltado à saúde feminina Realizada desde 1997 em São Paulo, a jornada representa um acontecimento tradicional no calendário da patologia...
Mitos & verdades sobre Quimioterapia
A quimioterapia, uma das principais condutas terapêuticas para o tratamento do câncer, utiliza medicamentos potentes que tem como objetivo destruir as células doentes. Dr. José Augusto Rinck Jr, titular do Departamento de Oncologia Clínica do A.C.Camargo, responde algumas das dúvidas mais comuns sobre esse tratamento...
Dia do Fonoaudiólogo: inspire-se com os integrantes laringectomizados do Coral Sua Voz
Nove de dezembro é o Dia do Fonoaudiólogo, especialista fundamental em vários tratamentos, caso do paciente laringectomizado total. Trata-se de pessoas que tiveram um câncer avançado e, por isso, passaram por uma cirurgia que retirou toda a laringe, incluindo as cordas vocais. Para homenageá-los, veja...
Palestra: Seja apaixonada pela mulher que você lutou para ser
Neste mês, como parte das ações voltadas ao combate do câncer de mama, teremos a participação da doutora Fabiana Baroni Alves Makidissi, head do núcleo de mastologia, falando sobre o tema: “Seja apaixonada pela mulher que você lutou para ser”. Programação: Data: 30 de outubro...
Fernando Gentil, um pioneiro em cirurgia oncológica
O cirurgião Fernando Campello Gentil (1921-1989), que hoje empresta seu nome a um de nossos ambulatórios, teve papel muito relevante na Cirurgia Oncológica no A.C.Camargo e no Brasil. Formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), fez Residência Médica no Memorial Sloan Kettering Cancer...