Dez anos sem o Doutor Ricardo Brentani

Publicado em: 29/11/2021 - 15:11:39
Tratamento
Institucional
Reconhecimento

"Na minha incessante investigação dos mistérios do câncer, sonho com o dia em que as células revelem aquilo que insistem em esconder de mim” - Doutor Ricardo Brentani. 

No dia 21 de julho de 1937, na cidade de Trieste, Itália, nascia Ricardo Renzo Brentani, mais conhecido por Ricardo Brentani ou simplesmente Brentani. Era o segundo filho do industrial Segismundo e da artista plástica Gerda Brentani.

Chegou ao Brasil em 1938, com apenas um ano de idade. Casou-se com a também cientista Maria Mitzi Brentani, e tiveram quatro filhos: Hugo, Helena, Alexandra e Barbara.

Em 1957 ingressou na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Sua tese de doutorado fez do recém-formado médico um jovem pesquisador, e sua tese foi publicada na Revista Nature. Publicou mais de 300 trabalhos em importantes periódicos de impacto. 

Brentani dedicou-se a três linhas de pesquisas:

1. Papel do nucléolo no processamento de mRNA
2. Caracterização de mRNAs de colágenos
3. Adesão celular e metástase

Entre 1990 e 2000, liderou as pesquisas do Projeto Genoma do Câncer, que trouxe novos rumos ao estudo dos tumores. Foi considerado um dos mais importantes pesquisadores brasileiros de sua época e um dos mais premiados na área do câncer.

Ao longo de sua trajetória, dirigiu o Instituto Ludwig de Pesquisa do Brasil, foi diretor da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), membro titular da Academia Nacional de Medicina, professor emérito da Faculdade de Medicina da USP e diretor-presidente da Fundação Antônio Prudente.

Transformou a nossa Instituição em referência na pesquisa genética do câncer, ajudou a criar o atual Centro Internacional de Pesquisa e Ensino (CIPE), desenvolveu nosso Biobanco e projetou o nome do A.C.Camargo internacionalmente por meio da ciência. Sempre acreditou que a força dos hospitais vem de seus institutos de pesquisa. Idealizou e implementou o primeiro curso de pós-graduação em um hospital privado brasileiro.

De personalidade forte, sabedoria, produtividade e abrangência de sua produção científica, além de seu grande senso de humor e bom coração, não mediu esforços para ajudar na construção da instituição oncológica pioneira no país, o A.C.Camargo Cancer Center.

Brentani deixou um legado imensurável, formou inúmeros cientistas e médicos que mudaram a história do câncer no Brasil.  

Ao Doutor Brentani, nosso eterno respeito e gratidão!

Ricardo Brentani, branco, grisalho, 70 anos, terno cinza, sorri, imagem da cintura pra cima

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?

Veja também

Mieloma múltiplo: entenda mais sobre esse tipo de câncer da medula óssea
O mieloma múltiplo é o câncer de um tipo de célula da medula óssea chamada de plasmócito, responsável pela produção de anticorpos que combatem vírus e bactérias. No mieloma múltiplo, os plasmócitos são anormais e se multiplicam rapidamente, comprometendo a produção das outras células do...
Equipe de Radioterapia do A.C.Camargo participa de congresso internacional em Chicago (EUA)
Médicos e residentes apresentaram trabalhos desenvolvidos na Instituição Considerado o mais importante congresso mundial sobre radioterapia, o ASTRO 2019, realizado pela American Society for Radiation Oncology apresenta anualmente os resultados mais promissores de ensaios clínicos em andamento que incluem novas tecnologias, novas doses de radiação...
Um novo olhar para o tratamento do câncer em adolescentes e jovens adultos
O tratamento oncológico caminha para a organização de uma nova área: o câncer em Adolescente e Adulto Jovem, já conhecido pelos especialistas como AYA, do inglês Adolescent and Young Adult. Trata-se de um novo segmento para atender pacientes na faixa etária de 12 a 30...
Tratamento para os tumores de mama, ginecológicos e de pele em um só lugar
Unidade Pires da Mota: uma grande realização Nasce a nossa nova Unidade Pires da Mota, um grande passo para a consolidação do Cancer Center. A unidade expande o modelo de assistência integral, concentrando o atendimento dos pacientes com tumores de mama, ginecológicos e de pele...
Estudo multicêntrico latino-americano avalia desfechos em pacientes com câncer de canal anal metastático
O câncer de canal anal, apesar de ser considerado uma neoplasia rara, vem apresentando um aumento de sua incidência, mas conta com poucos dados na literatura a respeito do prognóstico e de um melhor tratamento. Ele apresenta como fatores de risco a infecção pelo HPV...