Covid-19: atividade física em tempos de isolamento social

Publicado em: 16/04/2020 - 12:04:59
Tratamento
Diagnóstico
Hábitos saudáveis

Mesmo em casa, é possível manter o bom condicionamento e espantar a preguiça

Com a pandemia da Covid-19, mudamos nossa rotina para ficarmos confinados dentro de casa, como forma de reduzir a proliferação do vírus. Com as academias fechadas e a recomendação de se ficar em casa, como praticar exercícios e manter uma rotina de vida saudável?

Conversamos com Eliana Louzada Petito, fisioterapeuta do A.C.Camargo Cancer Center e professora de educação física, para tirar algumas dúvidas sobre o tema e expulsar a preguiça na hora de fazer atividades físicas em casa.

A prática de atividade física ajuda não apenas o condicionamento físico: também tem papel importante sobre o sistema imunológico.

"A realização de atividades físicas também contribui para a produção de hormônios e neurotransmissores ligados às sensações de bem-estar. Ou seja, manter-se ativo, mesmo nessa quarentena, pode ser mais um aliado tanto para o corpo quanto para a mente", diz Eliana.


Atividades na quarentena

No mundo conectado em que vivemos atualmente, existem inúmeras opções para que o sedentarismo não seja regra dentro de casa.

Existem alguns aplicativos com dicas e planos de aula adaptados ao usuário, assim como vídeos e "lives" (vídeos ao vivo) nas redes sociais com profissionais de educação física dando aulas para dezenas ou centenas de pessoas.
Antes de começar as atividades, é importante consultar um profissional de educação física.

Mesmo com a distância, esse profissional pode ver a execução das atividades, realizar correções em tempo real, além de perceber as características pessoais e aprimorar o treino.

“A orientação de um profissional capacitado, quer seja fisioterapeuta ou educador físico, é importante para que haja coerência e equilíbrio nas atividades prescritas. Além disso, cada um conhece suas capacidades e limitações, e é muito importante que sejam respeitadas as condições físicas individuais”, afirma Eliana.

Para as pessoas que preferem uma atividade física “off-line”, a especialista recomenda que se mantenham as atividades físicas embutidas nas tarefas do dia a dia, intercalando períodos de inatividade ou pouca atividade, como televisão, com outras que requeiram movimentos corporais, como varrer a casa, estender roupa, dançar...


Atividades ao ar livre: pode?

A prática de atividade física em ambientes públicos, mesmo que ao ar livre, também pode trazer alguns riscos, visto que existem estudos que mostram que o vírus sobrevive em superfícies por diferentes períodos, contaminando-as.

“Caso faça essa opção, mantenha-se a pelo menos 2 metros de distância de outras pessoas, leve sua garrafa de água, faça uso de álcool em gel ao contato com superfícies e mantenha-se atento para não colocar as mãos na boca, nariz e olhos”, aconselha a especialista.

Saiba tudo sobre o novo Coronavírus:
- Dicas para a proteção ao usar o transporte público

- Vídeo: como manter sua saúde mental

- Recomendações para quem se curou de um câncer

- Um glossário com 22 termos para você conhecer

- A imunoterapia em pacientes com câncer em tratamento

- Os cuidados com a traqueostomia

- Saiba como preservar o cateter

- Podcast Rádio Cancer Center #10 - Como manter a calma durante a Covid-19


- 7 mitos e verdades

- Podcast Rádio Cancer Center #9 - Covid-19, leucemias e outros cânceres hematológicos

- Coronavírus: cuidados para quem toma hormônio contínuo

- Coronavírus: como proteger cuidadores e pacientes com câncer

- Coronavírus: radioterapia e quimioterapia devem ser suspensas?

- Podcast Rádio Cancer Center #8 - Coronavírus e oncologia

- Vídeo: o Coronavírus e a oncologia

- Como manter sua saúde mental em tempos de Coronavírus

- Coronavírus: por que tomar a vacina da gripe é importante

- Coronavírus: é seguro viajar de avião?

- Como se proteger

- Coronavírus e o paciente oncológico


- Nova política para visitas e acompanhantes

- Recomendações importantes

- Dúvidas mais frequentes

- O que é

- Estudo avalia relação do Coronavírus com o câncer


- Coronavírus: veja um vídeo dos colaboradores do A.C.Camargo

- Escute no Spotify

 

Veja também

Covid-19 e imunoterapia em pacientes com câncer em tratamento
Conheça os cuidados que essas pessoas devem manter para garantir a proteção contra o vírus Covid-19 e imunoterapia. As pessoas que fazem tratamento contra o câncer a partir desse tipo de terapia devem ter os mesmos cuidados da população em geral. A imunoterapia, que estimula...
Covid-19: como a quarentena influencia nosso sono
Ter sonhos vívidos ou dormir de forma intermitente durante a noite costumam ser características que ocorrem em momentos de estresse, como a pandemia do novo Coronavírus Covid-19 e nossa relação com o sono. Durante o isolamento social, muitas pessoas dizem enfrentar uma noite de sono...
Tumor de tireoide pode ter origem na metástase de outros órgãos
Análise evidencia a importância do conhecimento dos aspectos morfológicos dos pacientes para identificar a origem da doença, cujo dia é lembrado em 25 de maio O Dia Internacional da Tireoide, em 25 de maio, é mais uma ocasião para lembrar que o câncer nessa glândula...
Dia Nacional da Saúde (5/8): veja um guia de prevenção contra o câncer
Saiba como cada faixa etária pode reduzir os riscos de tumores A Organização Mundial da Saúde (OMS) informa que mais de 14 milhões de pessoas desenvolvem câncer todos os anos e esse número pode ultrapassar 21 milhões de pessoas em 2030. Atualmente, diz a OMS...
Médico residente do A.C.Camargo conquista premiação na European Society for Medical Oncology (ESMO)
Caso clínico apresentado pelo futuro oncologista, Rodrigo Taboada, conquistou o quinto lugar entre 80 inscritos Um caso clínico do A.C.Camargo Cancer Center liderado pelo Dr. Marcelo Corassa e pelo residente de oncologia clínica, Dr. Rodrigo Taboada, foi escolhido um dos cinco melhores cases pela European...