Cientistas brasileiros lideram estudo que pode revolucionar o tratamento do câncer de próstata

Publicado em: 28/06/2015 - 21:06:00

Um estudo iniciado há mais de cinco anos no MD Anderson Cancer Center, em Houston, Estados Unidos, por um grupo de pesquisadores de diversos países, entre eles três brasileiros, acaba de ter suas conclusões publicadas em uma das principais revistas científicas internacionais, o PNAS (Proceedings of the National Academy of Science), mostrando o caminho para um salto de grandes proporções no diagnóstico e tratamento do câncer de próstata, o de maior incidência entre homens no mundo todo, inclusive no Brasil. 

Wadih Arap e Renata Pasqualini, hoje da Universidade do Novo México, e a equipe de Emmanuel Dias-Neto, do A.C.Camargo Cancer Center, associados a pesquisadores do Instituto Ludwig de Pesquisas sobre o Câncer, de San Diego, Califórnia, entre outros, mostraram in vitro e depois em camundongos que o PCA3 – um marcador específico de câncer de próstata que acaba de ser aprovado pelo FDA (Food and Drug Administration) e em breve substituirá o já conhecido e inespecífico PSA – interage com o gene PRUNE2 e proteínas presentes no tumor, tornando possível identificar seu grau de agressividade e ajudaria a definir com precisão a melhor terapêutica para o tratamento: cirurgia, químio e/ou radioterapia, e em que dosagem.

Nos ensaios trazidos no paper, os autores demonstram em modelos animais o êxito em reduzir o tamanho dos tumores de próstata. "Vimos que se aumentarmos a ação da PRUNE2 os animais desenvolvem tumores menores. Desde que o PCA3 foi aprovado pelo FDA, é a primeira vez que uma função como biomarcador clínico foi descoberta", destaca Wadih Arap. O cientista Webster Cavenee, diretor do Instituto Ludwig de Pesquisas sobre o Câncer de San Diego (Califórnia) e coautor do estudo, reforça que "a descoberta representa a primeira compreensão dos mecanismos moleculares relacionados ao eixo PCA3/PRUNE2 no desenvolvimento do câncer de próstata humano".

"A definição do papel de PCA3 no câncer de próstata agrega valor à sua importância como marcador diagnóstico e, ainda mais importante, abre novos caminhos terapêuticos", observa Dias-Neto. Segundo o cientista, outras duas proteínas fazem parte do mesmo complexo – P54 e ADAR1 – e também podem ser valiosas para a concepção de novas estratégias terapêuticas. "Ao desvendarmos um complexo envolvendo três proteínas e um RNA, aumentamos tremendamente o nosso arsenal de possíveis alvos terapêuticos para este câncer. O PCA3 é uma molécula específica e muito relevante na gênese do câncer de próstata; quando ela se associa a este novo gene que suprime tumores (PRUNE2), ocorrem alterações nos RNAs promovidas pelas proteínas associadas, o que leva ao descontrole da multiplicação celular e ao câncer. Mostramos que, se formos capazes de impedir a formação deste complexo, conseguimos combater o tumor de modo muito eficiente", explica Dias-Neto.

Confira o artigo

Avaliação de conteúdo

Você gostaria de avaliar esse conteúdo?
Esse conteúdo foi útil?
Gostaria de comentar algo sobre esse conteúdo?
Ao continuar você confirma ter ciência de nossa Política de Privacidade e dos respectivos Avisos de Privacidade e Proteção de Dados presentes em nosso Portal de Privacidade.
CAPTCHA
Esta pergunta é para testar se você é humano e para evitar envios de spam

Veja também

O papel do enfermeiro navegador e seu impacto na jornada oncológica
Durante a jornada oncológica, pacientes do A.C.Camargo Cancer Center podem contar com a expertise dos enfermeiros navegadores. São profissionais altamente especializados em oncologia que atuam como um elo entre o paciente e todas as equipes (assistenciais e administrativas), desenvolvendo um trabalho fundamental para melhorar os...
15 de setembro - Dia mundial de conscientização sobre linfomas
Como se prevenir deles? Indo ao médico assim que perceber os sintomas. Então apareceu um gânglio diferente no pescoço, ou na axila, ou na virilha, que não dói, mas você sente extremo cansaço, febre, está suando à noite e também perdendo peso sem razão aparente...
1º lugar Qualihosp na categoria Educação
Estamos felizes em anunciar o reconhecimento do A.C.Camargo na edição 2021 do QualiHosp, um importante congresso internacional de qualidade em serviços e sistemas de Saúde, que reúne profissionais e hospitais renomados do Brasil. Recebemos o prêmio de primeiro lugar na categoria Educação em Saúde com...
2020, O Ano do Profissional de Enfermagem
Saiba mais sobre essa especialidade vital para o cuidado. Clique aqui caso tenha problemas para acessar o vídeo abaixo. video { width: 100%; height: auto; }
31 de maio: Dia Mundial sem Tabaco alerta para os riscos do fumo à saúde pulmonar
A data, criada para alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo, é uma inciativa global da Organização Mundial de Saúde Sob o tema “Tabaco e saúde pulmonar”, a campanha alerta sobre os prejuízos que o uso do tabaco e a exposição ao...