Médico em destaque

Fernanda, médica de mastologia

Fernanda fez Medicina em Taubaté e Fellow em Mastologia aqui
no A.C.Camargo e hoje é médica titular da Mastologia

Já fui paciente aqui, adoro esse lugar. No A.C. me sinto em casa

"Minha mãe trabalhou 35 anos em hospital em Guarulhos na parte administrativa, às vezes eu ia junto com ela para o trabalho, sempre gostei muito de hospital, de pessoas, de cuidar. Minha maior paixão são as pessoas. Gosto de entender, de ouvir. Fiz Medicina na Universidade de Taubaté (Unitau), e depois, dois anos de Residência em Cirurgia Geral. Aí prestei a prova do SUS (da Fundação Carlos Chagas) e escolhi vir para o A.C.Camargo. Aqui fiz três anos de Residência em cirurgia oncológica e depois prestei o Fellow de mastologia, mais um ano."

"Pouco antes de prestar vestibular eu tive uma suspeita de câncer de tireóide e conheci o A.C. Não era câncer, mas fui operada e fiz tratamento aqui com o Dr. José Magrin. Ele insistiu para eu escolher a Medicina em Taubaté, onde ele mesmo se formou".

Paixão pela cirurgia

"Trabalhar aqui é um privilégio. A visão multidisciplinar faz toda a diferença".

"Desde o primeiro ano da faculdade eu gostava de cirurgia. Durante minha Residência de Cirurgia Geral eu tive dois preceptores muito bons de Cirurgia Torácica. Prestei para Residência em Torácica e em Cirurgia Oncológica. Passei nas duas, e com minha nota poderia escolher para onde ir. Escolhi o A.C. No meu ultimo estágio de R1 comecei a estudar muito sobre mama e no meu R3 eu fiquei seis meses fazendo só mama. Então,  quando me formei, prestei o programa de Fellow na Mastologia."

"Na Mastologia o Fellow tem oportunidade de entrar em todas as cirurgias, acompanhar técnicas diferentes. Os preceptores são muito preparados, muito próximos, a gente convive com as pessoas que escreveram os artigos que lemos na faculdade. E o programa de Fellow dá oportunidade de passar em vários departamentos relacionados com a mama: fiquei um mês na patologia, aprendi sobre radiologia... E também fui tutora de residentes, o que é muito bacana, você aprende muito".

Cancer Center e a visão multidisciplinar

"Recebi o convite para ficar na equipe de Mastologia, era o meu objetivo. Agora vou fazer minha pós-graduação. Trabalhar aqui é um privilégio, a visão multidisciplinar faz toda a diferença, tanto na Residência quanto no aperfeiçoamento. Participar do Tumor Board, em que discutimos os casos com especialistas de várias áreas é muito enriquecedor.